Metade dos eleitores baianos não fez o recadastramento biométrico obrigatório

Os eleitores de Salvador e outros 51 municípios baianos têm até 31 de janeiro de 2018 para realizar o recadastramento biométrico obrigatório. Entretanto, a quase dois meses do final do prazo, apenas 51,62% (2.228.359 pessoas, do total de 4.316.870) realizaram o procedimento. Segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), dos 10.630.728 eleitores aptos em todo o estado, apenas 4.137.455 fizeram o recadastramento, o que equivale a 38,91% do total. Já a capital baiana registra um percentual de 44,91%, com a adesão de 890.112 dos 1.979.269 eleitores aptos à biometria. Para se recadastrar, o eleitor deve se dirigir ao cartório de sua Zona Eleitoral ou posto de atendimento do município, cuja lista está disponível no site do TRE. Os eleitores que não conseguiram se recadastrar devem ficar atentos ao período de recesso da Justiça, de 23 de dezembro a 1º de janeiro, quando não haverá agendamento. Segundo informações do TRE, durante o mês de janeiro o atendimento será intensificado com alguns “incrementos”, que já estavam previsto e ainda serão divulgados pelo órgão. Estão obrigados ao recadastramento todos os eleitores convocados ou não pela Zona Eleitoral que esteja executando esse procedimento, inclusive aqueles cujo voto é facultativo e já possuem título (analfabetos, maiores de 16 e menores de 18 anos e os maiores de 70 anos de idade). Quem não realizar o procedimento terá o título de eleitor cancelado.

Voluntárias Sociais da Bahia promovem cirurgias de catarata UPA de Jequié

Cirurgias serão realizadas na UPA inaugurada mês de outubro em Jequié

Dando prosseguimento a “Feira Jequié Cidadã”, realizada no final do mês de outubro passado, as Voluntárias Sociais da Bahia ((VSBA), realizam esta semana, um mutirão de cirurgias de catarata em Jequié. A ação estima realizar 400 cirurgias e acontece da Unidade de Pronto Atendimento-UPA, localizada no bairro Cansanção. As pessoas interessadas deverão se dirigir à UPA, para o rastreamento na quinta-feira (23), a partir das 8h. A advertência feita é no sentido dos pacientes levarem seus documentos. Todas as pessoas com mais de 60 anos precisam levar cópia do RG, comprovante de residência e cartão do SUS.

Após a avaliação feita pelo médico, o paciente já sai com a cirurgia marcada entre os dias 24 e 26. Para os procedimentos, é oferecido gratuitamente a equipe médica e toda a estrutura para as cirurgias, além do acompanhamento do paciente após a execução. Também serão operadas durante o mutirão, aquelas pessoas que passaram por avaliação e foram diagnosticadas com a doença durante a feira, em outubro.

Bailarino jequieense faz campanha para estudar em Nova York

O bailarino jequieense Ezequiel Salles, formado em dança pela Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado e formado em ballet pela Royal Academy Of Dance,  atualmente residindo em Salvador, está desenvolvendo uma campanha  através das mídias sociais, na tentativa de angariar recursos para custear suas despesas iniciais par estudar na Escola de Dança American Ballet de New York, com uma bolsa de estudos que conquistou após ser classificado com a maior nota em seleção com outros dançarinos baianos.  Os dados para as doações estão inseridos no card acima.

Rui Costa inaugura recuperação da BA-555 em Lafaiete Coutinho

O governador Rui Costa inaugurou na manhã  desta segunda-feira (20), a recuperação dos 15,5 quilômetros da rodovia que representa o principal acesso do município de Lafaiete Coutinho, interligando com a BR-116.  Ao ressaltar o investimento de cerca de R$ 4 milhões feito pelo estado na execução da obra, Rui Costa enfatizou, “Eu tenho certeza que esse acesso traz tranquilidade, conforto e segurança para a população”. O governador estava acompanhado do secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, participando da comitiva os deputados Antonio Brito (federal) e Euclides Fernandes (estadual), sendo recepcionado em Lafaiete Coutinho pelo prefeito João Véi, do coordenador dos Consórcios Públicos da Bahia, Zé Cocá, prefeito em exercício de Jequié, Hassan, de Jaguaquara Giuliano Martinelli, vereadores e outras autoridades.

Ao receber um ofício do prefeito João Vei constando outras reivindicações do povo de Lafaiete Coutinho, Rui Costa,  respondeu em seu discurso, “Podem fazer os projetos para a recuperação do entreposto da Polícia Militar, da delegacia e do galpão, para a implantação de uma indústria, que nós vamos ajudar vocês. A Sudic [Superintendência de Desenvolvimento Industrial e Comercial do Estado da Bahia, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado] pode ter algum projeto pronto do tamanho que a empresa precisa. Também vamos assinar o convênio para a reforma e melhoria do Hospital de Jaguaquara”, anunciou.

BA-555 recebeu novo revestimento asfáltico e sinalização

Prefeitos baianos vão a Brasília em busca de socorro de R$ 373,8 milhões

Congresso Nacional será mais uma vez o alvo da marcha dos prefeitos em Brasília

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) com o apoio de associações estaduais, realizam na quarta-feira (22), mobilização nacional em Brasília, com a proposta de pressionar o Planalto a conceder, por meio de medida provisória, o Apoio Financeiro aos Municípios (AFM), de forma emergencial, no valor de R$ 4 bilhões.  A mobilização que deverá contar com as presenças de aproximadamente 300 prefeitos baianos, tem o nome de Pró-Município e, o foco é conseguir R$ 373,8 milhões para socorrerem as prefeituras do estado. Os prefeitos e prefeitos defenderão ainda, em Brasília, a derrubada do veto ao Encontro de Contas (Veto 30/2017), caso aconteça a discussão dos vetos presidenciais, considerados, “um imenso retrocesso pela busca de justiça e transparência entre os Entes da Federação, uma vez que o Encontro de Contas permite que os Municípios conheçam o verdadeiro e exato valor de suas dívidas previdenciárias. O Encontro de Contas permitirá uma subtração entre débitos e créditos dos Municípios com a União, resultando no real valor da dívida e no exato montante das parcelas que devem ser descontadas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com o intuito de quitá-la”, assinalam os municipalistas.

Prefeito Eures Ribeiro preside a União dos Municípios da Bahia-UPB

O prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, presidente da União dos Municípios da Bahia estará liderando os municipalistas baianos na mobilização de quarta-feira (22), em Brasília. Muitos gestores e gestoras baianos ainda não conseguiram digerir bem as declarações feitas por Eures, durante uma reunião.  “Quando ouço meus colegas prefeitos falarem que não têm dinheiro para isso, que não têm dinheiro para aquilo, eu falo: vocês estão fazendo alguma coisa errada. Porque lá em (Bom Jesus da) Lapa tem dinheiro pra tudo. Basta ter responsabilidade, não roubar e não deixar roubar. Se você não rouba e não deixa roubar, tem dinheiro pra tudo”. A afirmação feita pelo prefeito de Bom Jesus da Lapa e presidente da UPB, ainda causa mal-estar entre os prefeitos baianos, inclusive com repercussão nas redes sociais. Ele afirmou ainda que no município que dirige,  com a crise que o país atravessa, tem dinheiro em caixa. “a Lapa ainda tem R$ 10 milhões guardado em uma poupança, o que é muito raro. Quem governa tem que ter essa noção, de que governa dinheiro público. E a tentação da vida é muito grande. Por isso peço a Deus todos os dias que tire de mim a ganância e a ambição, pois são a ganância e ambição no coração dos homens que fazem a corrupção na gestão pública. E eu tenho pedido a Deus todos os dias, não é fácil porque as tentações da vida são inúmeras, mas tem dado certo”, sentencia o prefeito.

Vereador Gilvan sela “dobradinha” com Leur Jr e mina base aliada do prefeito

Dobradinha Leur\Gilvan atrai vereadores da base quatro vereadores da base

O vereador Soldado Gilvan (PPS) que supostamente marcharia na condição de pré-candidato a deputado estadual, ao lado do deputado federal Paulo Magalhães (PSD), selou neste final de semana acordo para marchar no município ao lado do deputado estadual Leur Lomanto Jr (PMDB), que se posiciona na condição de pré candidato à vaga na Câmara Federal. A formação da “dobradinha”, que reúne ainda os vereadores Guião e Guina Produções (afastados punitivamente do PSOL), Ivan do Leite (PSB) e Gutinha (PMDB), representa um desdobramento explícito de Gilvan, sobre sua insatisfação com o governo municipal, que apoia a pré candidatura a deputado estadual do secretário de Educação Roberto Gondim. O recado curto e grosso foi enviado pelo vereador na tribuna da Câmara, semana passada. Um detalhe a mais: Na campanha de 2018, Leur Jr estará em Jequié no palanque de ACM (DEM), pré candidato ao governo estadual e adversário principal do governador Rui Costa (PT), que concorrerá a reeleição e, conta em nível local com o alinhamento do prefeito Sérgio da Gameleira (PSB).

TCM reprovou 56% das contas das prefeituras já analisadas em 2017

O encanto que exerce para muitos cidadãos e cidadãs dirigir os destinos político-administrativos de um município e a sensação efêmera de poder que o cargo propicia, na maioria das vezes, não é  compensado pela dor de cabeça enfrentada, por essas pessoas, principalmente após deixarem a ambicionada função de prefeito ou prefeita. Nos servindo para ilustrar esse comentário, o TCM julgou, até agora, as contas de 105 das 417 prefeituras baianas e rejeitou 56% delas. Os 59 gestores punidos terão que pagar multas, por irregularidades detectadas que, somadas, chegam a R$ 1,3 milhão.

Um prefeito e 29 ex-prefeitos de cidades baianas terão que devolver R$ 11,1 milhões, com recursos próprios, as suas respectivas prefeituras devido a irregularidades cometidas no ano passado. Eles estão entre os 59 gestores que tiveram as contas referentes ao exercício de 2016 rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). O maior devedor é o Jabes Ribeiro (PP), que deixou a prefeitura de Ilhéus no final do ano passado e terá que ressarcir os cofres municipais com R$ 2,1 milhões por não ter apresentado comprovantes de pagamentos, entre outras possíveis irregularidades identificadas pela Corte. O segundo é Edenivaldo Ferreira Mendes (PT), ex-prefeito de Pintadas, município com pouco mais de 10 mil habitantes. O petista foi obrigado a devolver R$ 1,9 milhão, a maior parte por não comprovar folhas de pagamento de servidores. O prefeito de Igrapiúna, Leandro Luiz Santos (PSB), é o único reeleito obrigado a ressarcir dinheiro aos cofres. Ele terá que devolver R$ 44,8 mil por falta de comprovação de pagamentos.

Na absoluta maioria dos casos, as pessoas que ajudaram, contribuíram ou foram coniventes com o cometimento das irregularidades que culminaram com essas punições, desaparecem, nem sequer são lembrados, muitas elas inclusive já estão aliadas a outros grupos colocando mais lenha na fogueira dos que terão de desembolsar para ressarcirem os cofres públicos.

Comentário do jornalista Wilson Novaes, no programa Bahia Ponto a Ponto (Rádio Povo FM), nesta segunda-feira, 20/11

Se for candidato, Barbosa quer carta branca do PSB

Joaquim Barbosa diz que só decidirá se aceita candidatura após retornar do exterior

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa recebeu convite do PSB para ser o pré-candidato da legenda à presidência da República. De acordo com o jornalista Lauro Jardim, em sua coluna deste domingo (19), no jornal O Globo, mesmo elogiando o PSB em conversas com interlocutores (“Os partidos no Brasil têm donos; o PSB me parece não ter”), Joaquim Barbosa só aceitará ser o candidato a presidente da República com carta branca. O ex-presidente do Supremo se encontrou com os chefes da legenda no dia 8, em Brasília. Disse a eles que não se interessa “em ser vice de ninguém”.  Barbosa acredita que uma aliança com a Rede pode resultar numa chapa harmônica — será que com Marina Silva de sua vice? Barbosa ainda repete a interlocutores que sua tendência é não ser candidato a nada (“preciso refletir se estou disposto a uma mudança tão radical na minha vida”), mas o fato é que nunca esteve tão aberto a discutir a possibilidade. Ao PSB disse que fará agora uma longa viagem ao exterior. E prometeu dar uma resposta definitiva entre “final de janeiro e início de fevereiro”.

CUT lança PDI e funcionários ameaçam fazer greve

Após iniciar na terça-feira (14) um Programa de Demissão Incentivada para enxugar em quase 60% a folha de pagamento, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) pode ver seus funcionários a entrarem em greve na próxima semana. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a entidade, com 178 empregados, se diz asfixiada pelo governo Michel Temer, que, com a reforma trabalhista, acabou com a obrigatoriedade do imposto sindical. O tributo, que equivale a um dia de trabalho, é um dos principais recursos das centrais. Apesar de a cúpula da central assegurar ter consultado os trabalhadores sobre os critérios de demissão, os funcionários chegaram a anunciar que vão deflagrar greve. O presidente da central, Vagner Freitas, que se queixa de perseguição política, diz desconhecer o movimento. Ele informou ainda que o ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, aderiu voluntariamente ao programa, abrindo mão de um salário de R$ 15 mil. A direção da CUT argumenta que o plano de demissão de funcionários foi uma resposta ao fim do imposto sindical obrigatório. De acordo com Freitas, a redução permitirá a manutenção das atividades da central. Só em 2016, a entidade recebeu R$ 59,8 em recursos provenientes da contribuição. O programa será encerrado em 4 de dezembro e, caso não tenha adesão dos trabalhadores, será iniciado um processo de demissão até que se chegue ao percentual desejado.

Decisão do Feminino: Lusaca sai na frente e vence a primeira contra o Jequié (0x1)

Torcida apoiou o Jequié que não conseguiu superar a equipe visitante

A equipe da Associação Desportiva Lusaca-ADL da cidade de Dias D’Ávila levou a melhor no primeiro jogo da decisão do Campeonato Baiano de Futebol Feminino 2017 e, venceu o Jequié Esporte Clube-JEC, por 0x1, na tarde deste sábado (18), no Estádio Waldomiro Borges, em Jequié. Um empate no próximo sábado (25) na partida de volta em Camaçari, estará garantindo o título para o Lusaca.

Sistema ofensivo do Jequié não conseguiu superar a boa defesa do time visitante (fotos Emanoel Júnior)

O Jequié não conseguiu repetir as boas atuações anteriores. O ataque do time local não conseguiu superar o  sistema defensivo montado pelo Lusaca. Sem  conseguir trocar passes entre as jogadores do meio e as atacantes o Jequié foi superado pelo Lusaca no segundo tempo, se limitando a tentativas de cruzamentos na área. O gol do Lusaca foi marcado pela zagueira Ariana, numa cobrança de falta pelo lado esquerdo do ataque. Pareceu que a intenção da zagueira era lançar a bola alta na pequena área mas, deu sorte e na indefinição entre a goleira e a zagueira do Jequié a bola cobriu as duas e foi para o fundo da rede no alto do lado esquerdo da goleira Rosana.