Dia Nacional de Luta reuniu grande número de manifestantes em Jequié

Manifestantes em caminhada pelas ruas centrais de Jequié

Numeroso grupo de trabalhadores do setor público e privado, estudantes e aposentados participou nesta quarta-feira (15), em Jequié, do Dia Nacional de Luta, que teve como alvo as manifestações de protestos contra os Projetos Federais da reforma da previdência, trabalhista e terceirização. O ato foi iniciado com uma concentração pela manhã em frente à Catedral de Santo Antônio, de onde os manifestantes com as participações de central sindical e sindicatos de diversas categorias profissionais, saíram em caminhada pelas ruas centrais da cidade difundindo as bandeiras da manifestação.

Projeto de Reforma da Previdência foi um dos alvos principais dos protestos

O protesto foi marcado com palavras de ordem e também de críticas ao governo federal pelo ataque e tentativa de destruir os direitos sociais conquistados há décadas. A presidente do  Sindicato dos Servidores Municipais-SINSERV, presente na manifestação revelou a preocupação da entidade com relação ao Instituto de Previdência do Servidor Municipal-IPREJ, “continuamos preocupados com o destino da aposentadoria do INSS e também com a situação já enfrentada ao longo dos anos sobre a precariedade do instituto de previdência municipal. É importante que o funcionalismo compre essa luta contra as reformas federais, pois caso sejam aprovadas o futuro dos servidores municipais de Jequié vai ser prejudicado”, disse Maria Neide. Nas escolas públicas do estado e município com adesão total da categoria chancelada pela APLB, não teve aulas e o Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias, também aderiu e participou da manifestação, a exemplo do que aconteceu com representações de representações sindicais de órgãos do estado e união.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *