Forró da Margarida divulga grade de atrações e homenageia Luiz Gonzaga

A mistura de ritmos vai predominar no Forró da Margarida este ano. Em sua 12ª edição, o evento, que será realizado no dia 23 de junho, em Jequié,  traz para os seus foliões três estilos diferentes de forró, além dos shows de dois grandes artistas da Axé Music: Ivete Sangalo, que se apresenta pela segunda vez consecutiva na festa, e Alexandre Peixe, que fará a sua estreia no evento, apresentando ao público os grandes hits da música baiana.

No entanto, se a festa é de São João, o que não poderá faltar é o som da sanfona, e no Margarida vai ter forró para todos os gostos. A proposta é agradar quem curte desde o Universitário da Banda Cangaia, ou Elétrico da Calcinha Preta, e vai até o Pé de Serra do sanfoneiro Waldonys, cantor e compositor cearense que aos 13 anos de idade ganhou uma sanfona de Gozagão, a quem ele prestará homenagem durante o seu show.

“No ano do centenário de Luiz Gonzaga não poderiam faltar saudações ao mestre do forró. Resolvemos reunir grandes artistas para, além de homenagear o rei, apresentar as mais diversas linguagens desse estilo que predomina durante os festejos juninos em nosso estado”, afirma um dos produtores do Forró da Margarida, Clóvis Magno.

Antes mesmo de divulgar a grade completa de atrações, o Forró da Margarida já estava com o terceiro lote de ingressos à venda. Os tickets, que custam R$140 (pista) e R$ 270 (camarote), podem ser adquiridos na Central do Carnaval, no Balcão de Ingressos, no Ticketmix, na Veromundo e na sede do evento, em Jequié. Algumas cidades no interior também dispõem de pontos de venda. Para saber quais são, basta acessar a Fanpage da festa http://www.facebook.com/ForroMargarida. Maiores informações pelo tel: (73) 3526 – 1749.

PP/PT afirmam que irão juntos em busca de novos aliados

Coligação PP/PT terá chapa majoritária formada por Tânia Britto e Sérgio Gameleira

Petistas que integram as diversas alas do partido asseguraram que estão unidos em Jequié com o PP em torno de um projeto político. O ex-deputado Isaac Cunha disse que a união das duas siglas é fruto da vontade popular e que esse é o papel do PT, de buscar as transformações sociais, “estamos juntos rumo a vitória em 2012”, afiançou. O presidente Marcelo Aguiar considerou que a coligação é resultado do diálogo aberto com todos os partidos e que ela não está fechada a outros partidos da base aliada, “não existe partido rachado, estamos unidos, coesos”, afirmou. Sérgio da Gameleira também defendeu a unidade partidária e levantou a hipótese de outros partidos também se unirem ao projeto lançado na manhã de sábado, 26. Confira abaixo alguns flagrantes do encontro do PT.

PT retira pré-candidatura de Sérgio a Prefeito e aprova coligação com o PP

Diretório do PT decidiu pela formação de coligação com o PP em Jequié

No encontro municipal que está realizando na manhã deste sábado (26), na Câmara de Vereadores, o diretório do Partido dos Trabalhadores-PT de Jequié, aprovou a retirada da pré-candidatura de Sérgio Gamaleira,  a Prefeito,  nas eleições deste ano e em ato seguinte decidiu pela formalização de coligações majoritária e proporcional com o Partido Progressista-PP. A decisão confirma possibilidade divulgada pelo blog Jequié Repórter havia cerca de 60 dias e, que chegou a ser rechaçada por alguns dos próprios dirigentes da cúpula petista, que consideraram a informação, agora confirmada,  “tendenciosa”. O deputado federal Roberto Britto, a pré-candidata a prefeita Tânia Britto e o ex-deputado estadual Isaac Cunha, estão presentes no encontro presidido por Marcelo Aguiar. Com a decisão aprovada pelos dirigentes municipais, o PT terá Sérgio da Gameleira, na condição de pré-candidato a vice, compondo a  chapa encabeçada por Dra. Tânia. Dentro de instantes traremos novos detalhes.

Greves: Quando o povo prejudica o próprio povo

Greve dos rodoviarios deixando pontos de ônibus lotados de passageiros em Salvador

Opinião do JR

As greves representam legalmente para os trabalhadores das categorias organizadas,  o instrumento Constitucional mais importante para a conquista de seus direitos trabalhistas e de melhores condições para o exercício de suas funções. Tanto no serviço público quanto no privado, com ênfase mais forte na atividade pública, direitos trabalhistas somente conseguem ser conquistados, esgotadas as tentativas de acordo nas mesas de negociações, a partir daí são deflagradas as greves.

Apenas para pontuar o tema exemplificamos casos mais recentes ocorridos na Bahia, nas greves dos policiais militares, dos trabalhadores da construção pesada, dos profissionais de saúde e, no momento atual, os docentes da rede estadual e os rodoviários  do transporte urbano de Salvador. Todos esses movimentos da classe trabalhadora baiana [a exceção desse último] perduraram   por muito tempo.

Virando a página  está a figura da população,  maior [ou talvez a única] grande  prejudicada nesses processos paredistas. Mesmo em tempo normal de funcionamento dos setores acima citados, a população padece diante da má qualidade do que lhe vem sendo oferecido nas áreas de segurança pública, saúde, educação, infraestrutura e transporte público. As graves originárias dos próprios segmentos populares servem para atenuar e expor as condições de extrema dificuldades a que estão submetidos justamente aquelas classes sociais que mais dependem desses setores organizados.

Como resultante  desses movimentos paredistas organizados [repetimos, consitucionalmente legais] desconhece-se que o povo tenha saído  favorecido, mesmo reconhecendo que o trabalhador é parcela originária desse próprio povo. Independentemente de serem ou não atendidas as pautas de reivindicações dos trabalhadores, a segurança pública permanecerá deficitária, a educação pública com os mesmos problemas e vícios, as obras estruturantes com má qualidade, a saúde agonizante em postos e hospitais e o transporte público beirando o cáos. A pergunta que se faz: Quem mais precisa e depende desses serviços?  De uma coisa se pode ter absoluta certeza, o patronato, seja ele público ou privado nesses setores, não necessita de pegar um coletivo, de ter aluno em escola pública, de recorrer a um posto ou hospital público,  de andar pelas ruas esburacadas e, até mesmo em determinados casos, da segurança pública, pois a eles estão disponibilizados os aparelhamentos estratégicos pessoais tanto públicos quanto particulares. O que realmente tem resultado benéfico para o povão?

Câmara concede título de cidadão ao médico Ivo Teixeira Leite

Dr. Ivo Leite recebe o título de cidadania das mãos da esposa Dra. Cristina, ao lado dos filhos Laís, Luana, Pedro Ivo e Marcos Gabriel

A Câmara de Vereadores de Jequié esteve reunida em sessão especial na noite de sexta-feira (25) sob a presidência do vereador Ednael Almeida, para outorga do título de Cidadão Jequieense, ao médico Dr. Ivo Teixeira Leite, determinado por Decreto  Legislativo aprovado por unanimidade de autoria do vereador Dr. Joaquim Caires Rocha. Cearense, nascido na Fazenda Piçarra, no município de Porteiras, o homenageado graduou-se em médico em Salvador, com especialização posterior no Hospital Ana Nery dando continuidade aos seus estudos nas áreas de Angiologia e Cirurgia Vascular, em São Paulo. Em 1988 fixou residência em Jequié onde casou-se com a jequieense e, também médica,  Dra. Cristina Bittencourt Teixeira Leite. Na área social e de serviços no município exerceu os cargos de presidente da regional da Associação Bahiana de Medicina-ABM, presidente do Rotary Clube de Jequié e membro do  Conselho da APAE. Com raízes na atividade rural onde também desenvolve negócios foi eleito presidente do Sindicato Rural de Jequié-SRJ em 2001, tendo exercido mandato por sete anos, sendo responsável pela realização de várias exposições agropecuárias  e a inclusão da mostra no ranking nacional de exposições. Estiveram na mesa que presidiu a sessão, o vice-prefeito Eduardo Lopes, os deputados estaduais Leur Lomanto Júnior e Sandro Régis e o vereador Eliezer Pereira Fiim, que representou o deputado estadual Euclides Fernandes. Na platéia  vários membros da família do homenageado e representantes de segmentos da comunidade local.

Ivo Leite agradeceu a Câmara e aos presentes pela concessão do título de Cidadão

Código Penal poderá incluir pena para quem abandonar animais

Abandono de animal é crime passível de prisão, que pode chegar a seis anos caso leve o animal à morte

 Quem abandonar animais poderá cumprir pena de um a quatro anos de prisão além de pagar multa. A decisão foi tomada na sexta-feira (25) pela comissão de juristas designada pelo presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), para elaborar um anteprojeto de aperfeiçoamento do Código Penal. Pela proposta, o abandono de animais, em áreas públicas ou privadas, deixa de ser contravenção e se torna crime. O texto também prevê a condenação de pessoas que causarem qualquer abuso ou maus-tratos aos animais, que podem ser domésticos ou silvestres. Os juristas qualificaram as penas de acordo com o tipo de lesão causada em decorrência dos maus-tratos.

O tráfico de animais silvestres ou a sua criação foi outro tema tratado nesta sexta-feira pelos juristas. As penas variam de dois a seis anos mais multa e será aumentada se ficar comprovada que a pessoa importou ou exportou qualquer animal silvestre com a finalidade de lucrar. Nesse caso, estão incluídos no texto também o tráfico de ovos e larvas.  A introdução de animais exóticos na fauna brasileira, sem a devida autorização do órgão competente e o devido licenciamento, também é considerada crime. A pena varia de um a quatro anos de prisão mais multa ainda a ser fixada pela comissão de juristas no texto do anteprojeto. (Agência Brasil)

Férias no comando do jornalismo da Rádio 93 FM

No período de férias de Wilson Novaes o comando do jornalismo da 93 FM retorna para Edher Ramos

A partir de segunda-feira (28) o radialista Edher Ramos estará no comando do jornalismo da Rádio 93 FM – programas Jequié Urgente 1ª e 2ª edições e A Semana em Revista, pelo período de 30 dias, em que estará de férias o titular Wilson Novaes. A partir do registro das candidaturas a cargos eletivos no próximo mês de junho, Edher Ramos estará licenciando-se da emissora para concorrer a vaga na Câmara Municipal, pela legenda do PDT, no pleito de 7 de outubro. Participam da equipe de radiojornalismo da 93 FM, Repórter Tatu, Welligton Ferreira, Marcos Frahm, Jean Carlos, Alex Bahia, Osvaldo Batista e Adilson Alves.

Colisão em estrada da zona rural de Jaguaquara deixou quatro pessoas feridas

Cross Fox ficou com a frente destruída (Foto Blog Marcos Frahm)

Cinco pessoas ficaram feridas na manhã de  quinta-feira (24) em  acidente no Km 2 da BA-545, trecho  acesso a zona rural do município de Jaguaquara, onde  um veículo Cross Fox , placa NTK -1644, se chocou de frente com uma caminhonete Chevrolet C10, placa JMJ-9307 que transportava um carregamento de pepino. A Polícia Militar (PM) informou que o carro, que estava sendo conduzido pelo ex-vereador e produtor rural Joaquin José Lima de Andrade, mais conhecido como Zé Borreia. O motorista  foi desviar de uma motocicleta que seguia na frente e acabou invadindo a pista contrária. O ex-vereador e os passageiros do outro veículo, conduzido por um homem identificado apenas por Valdir, ficaram feridos. Todas as vítimas foram socorridas por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Municipal de Jaguaquara. Continuam internados Joaquin José, Valdir, Antônio Francisco Félix, Maria da Conceição Félix e uma criança, Ivanildo Felix Pereira, de 7 anos. De acordo com o boletim divulgado pelo hospital, apenas a criança permanecerá internada sob cuidados médicos. Já as outras vítimas serão liberadas, pois sofreram ferimentos leves. O acidente aconteceu por volta das 7 horas.

Caminhonete transportava carga de pepino (Blog Marcos Frahm)

Fazer cópia de CD ou livro para uso próprio deixará de ser crime

Com a proposta a cópia de um CD de música ou de um livro didático para uso próprio deixaria de ser crime

A comissão de juristas que discute mudanças ao Código Penal aprovou na quinta-feira (24) uma proposta que descriminaliza o ato de uma pessoa fazer uma cópia integral de uma obra para uso pessoal, desde que não tenha objetivo de lucro. Com a decisão, quem realizar a cópia deixa de ser enquadrado pelo crime, previsto no atual código, de “violação do direito autoral”. Atualmente, a pena para os condenados pela conduta pode chegar a até quatro anos. O texto aprovado pela comissão ficou com a seguinte redação: “não há crime quando se tratar de cópia integral de obra intelectual ou fonograma ou videofonograma, em um só exemplar, para uso privado e exclusivo do copista, sem intuito de lucros direto ou indireto”. O colegiado tinha prazo até o final do mês para entregar o anteprojeto do novo código ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Mas os trabalhos foram prorrogados até o dia 25 de junho. As sugestões dos juristas poderão compor um único projeto ou serem incorporadas a propostas já em tramitação no Congresso. (Agência Estado)

Obras em ritmo acelerado no Hospital São Judas Tadeu para inauguração dia 9

Inauguração da segunda etapa do hospital está confirmada para 9 de junho

As empresas contratadas pela Fundação José Silveira-FJS, trabalham em ritmo acelerado com equipes de operários revezando-se nos três turnos para concluírem a fase de acabamento a segunda etapa do empreendimento de saúde, que compreende os setores de enfermaria obstétrica, centro cirúrgico e administrativo. A superintendente da Fundação, Sra.  Leila Yossef Brito, esteve em recente visita ao local e confirmou que o cronograma anunciado no ano passado pelo deputado federal Antonio Brito, na inauguração da primeira etapa [em 12 de junho de 2011], está sendo cumprido à risca  e que a solenidade inaugural da  nova etapa está confirmada para o próximo dia 11 de junho, com o início dos  atendimentos  na sehunda-feira, 11 de junho.