ADJ apresentará Projeto de Marketing, Musa e Jogadores no dia 7

Escolha da Musa da ADJ supera a marca dos 30 mil votos de internautas

A diretoria de Marketing da Associação Desportiva Jequié-ADJ, estará encerrando no dia 4 de abril, a votação popular online, no site oficial do clube, para escolha da Musa da ADJ 2017. Duas candidatas estão na disputa do título: As jovens Andrezza Miranda e Loislane Oliveira. A eleita será apresentada à torcida e convidados, na noite de 7 de abril, no salão do Jequié Tenis Clube-JTC, quando também serão apresentados, o Projeto de Marketing intitulado Meu Time do Coração, juntamente com a diretoria, comissão técnica, elenco de jogadores e patrocinadores.

Estão na cidade o goleiro Léo Paredão, lateral esquerdo e meia Arnold e o lateral direito Adriano Apodi

O Marketing da ADJ, tendo à frente Enéas Brito, tem como alternativas para manutenção da equipe durante a disputa da Série B do Campeonato Baiano deste ano, o Projeto Sócio Torcedor, Financiamento Coletivo e a comercialização de camisas promocionais. São metas a curto e médio prazos, a conquista do acesso este ano, a estruturação da divisão de base e o time de futebol feminino e a construção do Centro de Treinamento-CT, em terreno doado pela Prefeitura.

Conta de luz cairá até 20% em abril por cobrança indevida de Angra 3

Conta de luz vai ficar entre 15 a 20% mais barata na Bahia

A conta de luz do consumidor em todo o País vai cair até 20% em abril, por conta da devolução de uma cobrança indevida de energia atrelada à usina nuclear de Angra 3. A decisão anunciada nesta terça-feira (28), pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) atinge todas as distribuidoras de energia, com exceção de apenas três empresas, a Sulgipe, a Companhia Energética de Roraima e a Boa Vista Energia. A queda ocorrerá apenas no mês de abril. Na Bahia a queda estará entre 15 a 20%. Pela decisão, outras seis distribuidoras do País também estarão neste patamar de queda (de 15% a 20%).  São elas: Celpe, Cosern, CPFL Jaguari, CPFL Paulista, Energisa Borborema e Energisa Sergipe. Outras 22 empresas apresentarão queda de 10% a 15%. Para 29 distribuidoras, a redução será de 5% a 10%. As demais 32 distribuidoras apresentarão um corte entre 0% e 5%. A decisão atinge 44 concessionárias e 20 permissionárias, todas elas distribuidoras de energia. A queda varia entre cada uma das distribuidoras por conta dos diferentes prazos de cobrança da energia de Angra 3. (Estadao Conteúdo)

Estiagem prolongada atinge duramente Manoel Vitorino e região

Imagens feitas pelo lavrador Antonio Galdino num mesmo local do Rio de Contas em épocas diferentes

Dos 417 municípios baianos, 214 se encontram em situação de emergência por conta da seca. Ou seja, mais da metade (cerca de 52%) das cidades do estado. Os dados são da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec), atualizados na segunda-feira (27). Entre os municípios atingidos pela estiagem está o de Manoel Vitorino, na região da caatinga próximo de Jequié, onde a população têm enfrentado grandes dificuldades na lavoura e na criação de  gado. O  lavrador e morador da cidade, senhor Antonio Galdino de Souza, de 58 anos, em relato feito à reportagem do jornal A Tarde, disse  que vive com a esposa e mais dois filhos em Manoel Vitorino, há mais de 15 anos e convive com sua lavoura e o seu pouco gado morrerem por falta d’água é um sofrimento constante. “As plantações e as criações de gado são nossas fontes de renda, nosso meio de sobrevivência. É muito sofrimento ter que conviver com essa situação. Isso aqui é a nossa vida. Nós precisamos de chuva, nós precisamos de ajuda”, apela Galdino. Ao relatar os transtornos que já passou nesses 15 anos na região, o lavrador considerou o ano de 2016 o pior de todos os anos em relação a falta de chuva  A 200 metros da casa de Antonio está localizado o rio de Contas. E, da pouca água que ainda sobra desse rio, ele e outras famílias aproveitam para tomar banho, cozinhar, lavar. Mas, assim como as plantações e os gados, o rio também vem sendo atingido pela seca, causando mais aflição para as famílias que têm nele uma fonte de sobrevivência. (A Tarde)

Relator pede para TSE marcar julgamento da ação sobre chapa Dilma-Temer

Temer com Dilma na época em falavam “uma mesma língua”

O ministro relator da ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Herman Benjamin, pediu que a Corte marque o julgamento do processo. A ação é um pedido do PSDB para avaliar se a chapa formada em 2014 cometeu abuso de poder político e econômico, teria recebido propina e se beneficiado do esquema de corrupção que atuou na Petrobras. O ministro também deu 48 horas para o Ministério Público se manifestar na ação. O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolau Dino, afirmou que irá aguardar os partidos entregarem as alegações finais para se manifestar.

“Prefeitura decide sobre nossa sobrevivência de maneira ditatorial”, diz o camelô Arlindo Bispo

Prefeitura coloca revestimento de cimento na área do futuro camelódromo de Jequié

A segunda-feira (27) foi um dia aparente normal e pacífico, apesar da angústia que ronda mais de uma centena de  pais, mães de famílias e jovens que se aventuram diariamente na luta pela sobrevivência, comercializando produtos diversos, em tabuleiros, carrinhos e barracas instaladas por ruas e calçadas de Jequié. Nesta segunda-feira, foi mais um dia de “tolerância” por parte da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Regulação do Solo e Meio Ambiente, que não inviabilizou a presença dos ambulantes nos seus habituais locais de trabalho, enquanto seus prepostos se dedicavam a estruturar um terreno  lateral da Rua Artur Alves Pereira (próximo ao Centro de Abastecimento Vicente Grillo), para onde esse modelo de atividade comercial será transferida. O local começou a receber um revestimento à base de cimento para melhor adequar os informais.

Para o camelô Arlindo Bispo não existe diálogo por parte do representante da Prefeitura

O camelô Arlindo Bispo, 65 anos de idade, grande parte dos quais trabalhando no comércio ambulante de Jequié, é uma das muitas pessoas que atuam no setor, que demonstra maior indignação com a iniciativa, colocada em prática pela Secretaria de Infraestrutura. “O secretário Fabrício Borges, não aceita o diálogo. Age de maneira ditatorial, decidiu tá decidido”, afirmou Bispo, ao participar de debate na manhã do último sábado (25), no programa A Semana em Revista (93 FM). O secretário Fabrício Borges, também foi convidado para o debate mas, respondeu por ofício que um compromisso anterior no mesmo dia e horário, inviabilizavam sua presença. Para Arlindo Bispo, “a administração Sérgio da Gameleira está querendo nos esconder em um local que irá inviabilizar o nosso comércio, com o qual sustentamos a nossa família”. Para ele, a Praça da Bandeira, com horário pré-determinado  para funcionamento seria a melhor alternativa ou o espaço de estacionamento em frente ao Shopping Popular. “Enquanto tivermos força vamos resistir. Não somos ladrões. Queremos que nos seja dado o direito de trabalhar honestamente, Exigimos respeito e continuaremos lutando”, afiançou o camelô Arlindo Bispo.

 

Prefeitura agenda audiências públicas para elaboração do Plano Municipal de Cultura

A Prefeitura de Jequié definiu através da publicação do Decreto Municipal nº 18.279, de 14 de março corrente, a programação de audiências públicas objetivando a construção coletiva do Plano Municipal de Cultura, considerado a principal ferramenta para a gestão compartilhada das políticas públicas de cultura e instrumento de planejamento e orientação com vistas a  implantação das políticas culturais no município. Todas as sugestões irão compor o Plano e deverão se tornar Lei Municipal com vigência decenal após a aprovação da Câmara de Vereadores e sanção do chefe do executivo, conforme estabelece o Ministério da Cultura. As audiências estão agendadas para terem início no dia 8 de abril na Associação Arte Viva (Pedreira), a partir das 15h; a segunda no dia  20 de abril, no campus da  UESB – Jequiezinho, a partir das 18h;  a terceira, dia  3 de maio no Centro de Cultura ACM, a partir das 18h e a quarta no dia 25 de maio, na  Câmara de Vereadores, a partir das 18h. A partir da sanção do Plano Municipal de Cultura, estará finalmente concluído o Sistema Municipal de Cultura, tornando o município apto ao recebimento de recursos federais e estaduais através de programas específicos destinados ao fomento da cultura.  Toda a população e, principalmente, produtores, agitadores culturais, artistas, simpatizantes da arte e cultura estão convocados a colaborarem apontando sugestões, soluções, ideias e possibilidades que propiciem fomento à cultura em Jequié.

ADJ: Paulo Sales espera contar com o time base uma semana antes da estreia

O técnico Paulo Sales, da Associação Desportiva Jequié-ADJ, já começou a treinar com parte do elenco de jogadores que estará à sua disposição para a disputa da Série B do Campeonato Baiano 2017. A totalidade dos jogadores que faz parte do acerto da diretoria com o empresário e gerente de futebol da equipe, Pastor Márcio Cerqueira, o técnico tem esperança de que somente esteja em Jequié, na semana da estréia dentro de casa, diante do Atlético de Alagoinhas, marcada 16 de abril, às 10h, no Estádio Waldomiro Borges. Sales afirmou ao  Jequié Repórter, que não existe tempo para testes, “os jogadores que deverão chegar em sua maioria já trabalhamos com eles e chegam para montar um time competitivo”.

Ciro Gomes: ‘Receberia turma de Sergio Moro na bala’

Ex-ministro Ciro Gomes também não deve ser candidato em 2018

O pré-candidato à presidência Ciro Gomes (PDT-CE) causou polêmica ao comentar o mandado de busca e apreensão e condução coercitiva contra o blogueiro Eduardo Guimarães. As declarações foram endereçadas ao juiz Sergio Moro, que julga as ações da operação Lava Jato e expediu o mandado em questão. No vídeo, Ciro afirma que “receberia a turma de Moro na bala”. Ex-ministro de Lula, Ciro Gomes  torce para que o petista não concorra à Presidência. Pelo país (“seria um desserviço”) e por ele, que se vende como o nome progressista para 2018. “Não tenho a menor vontade de ser candidato se o Lula for”, disse à Folha de S. Paulo. Ele também não vê em Marina Silva (REDE – AC) uma opção viável para 2018.

Barulho e tremor assustam moradores de diferentes lugares da Bahia

Moradores da Barra, em Salvador dizem ter ficado assustados com o barulho e tremor

Um forte barulho foi ouvido e um tremor sentido por volta das 7h da manhã deste domingo (26) em diferentes lugares da Bahia e assustaram muitos moradores. Pituba, Federação, Barra, Santo Antônio, Cabula, Graça, Imbuí, foram alguns dos bairros de Salvador onde o evento aconteceu. Houve relatos também na Região Metropolitana de Salvador (RMS), em Lauro de Freiras, e ainda na Ilha de Itaparica, Santo Antônio de Jesus e Sapeaçu. De acordo com reportagem publicada no jornal Correio da Bahia, o presidente da Associação Baiana de Geólogos (ABG), Fábio Rodamilans, informou que por enquanto o que há são relatos de pessoas que sentiram o tremor, mas que a ABG só trabalha em cima de informações concretas. “Procuramos a Defesa Civil e eles informaram que não houve nenhuma ocorrência. Estamos em um fórum com geólogos e geofísicos tentando achar a causa, mas oficialmente  não há nada o que dizer. Enquanto não tivermos dados do sismógrafo, a gente enquanto pesquisador não pode dizer nada, não podemos trabalhar em cima de achismo”, pondera o especialista. O geólogo disse ainda ainda que acha muito pouco provável que o tremor sentido em Salvador tenha relação com o abalo sentido no Peru. No site do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UNB) também não há registro do episódio.

 

Jequié sedia I Encontro de Contadores de História

Escritora Danielle Andrade coordena Encontro de Contadores de História em Jequié

O I Encontro de Contadores de História acontece em Jequié, sábado (01/05), a partir das 8h, no Auditório Wally Salomão, na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia-Uesb, sob a coordenação e curadoria de Danielle Andrade, escritora, consultora  e contadora de histórias, criadora dos projetos “Livro Viajante” e “Pedra de Encantaria”- Encontro de Contadoras e Contadores de Histórias. São convidados do Encontro: Eduardo Odùdúwa, arte-educador, produtor cultural e professor de língua e cultura yorùbá; e Acely Araújo, arte educadora, contadora de história e produtora de arte-juvenil. A participação no evento é totalmente gratuita e com direito a certificado de participação. A programação faz parte de uma série de atividades promovidas pela Festa Literária Internacional do Sertão de Jequié – Felisquié 2017, que vai acontecer em Jequié, de 01 a 04 de junho deste ano. O projeto tem o apoio financeiro do Governo do Estado da Bahia, através do Fundo de Cultura e Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia.