Sesab destina R$ 13.369 milhões para compra de 53 micro-ônibus para 6 Policlínicas

Policlínica de Jequié que será inaugurada este ano está na relação dos Consórcios que receberão veículos

Os consórcios interfederativos de saúde ganharão 53 micro-ônibus para transportar pacientes entre o município-polo e as cidades que assinaram os convênios. O contrato de aquisição dos veículos, que serão fornecidos pela Man Latin America, foi publicado no último sábado, 26, no Diário Oficial da União (DOU) e estabelece o prazo máximo de 80 dias para a entrega dos micro-ônibus. Cada veículo custou R$ 263 mil, resultando em um valor global de R$ 13,369 milhões. Os veículos, de modelo executivo, serão plotados e equipados com itens de acessibilidade. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), seis consórcios receberão os micro-ônibus mencionados no contrato: Teixeira de Freitas, Irecê, Guanambi, Jequié, Brumado e Ribeira do Pombal. A entrega dos ônibus está condicionada à conclusão das obras das policlínicas de cada consórcio – com isto, os quatro primeiros municípios receberão os veículos até o fim deste ano, quando serão inauguradas as unidades. As datas de abertura das policlínicas ainda não foram definidas.

Obras de Wally Salomão estarão em exposição no Museu de Jequié

O poeta, escritor, compositor e artista de teatro e cinema, jequieense Waly Salomão, que se estivesse vivo estaria completando no próximo dia 3 de setembro, seu 74º aniversário de nascimento, será homenageado no período de 1º a 30 de setembro, com a exposição dos seus trabalhos no Museu de Jequié, através do projeto WalyAqui O evento está sendo organizado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. Waly faleceu aos 59 anos de idade, no Rio de Janeiro, onde residia, no dia 5 de maio de 2003, ano em que atuou como personagem principal no filme Gregório de Matos,sob a direção de Ana Carolina. Com atuação em diversas áreas da cultura brasileira, Waly escreveu seu  primeiro livro intitulado Me segura qu’eu vou dar um troço, de 1972, já em 1997, ganhou o Prêmio Jabuti de Literatura com o livro de poesia Algaravias,  contando ainda em seu acervo bibliográfico o livro Janela de Marinetti. Seu último livro foi Pescados Vivos, publicado em 2004, após sua morte.

AJECE usará tribuna livre da Câmara para divulgar Jornada Esportiva

Membros da diretoria da Associação Jequieense de Cegos-AJECE, utilizarão a tribuna livre da Câmara Municipal de Jequié, para divulgarem nesta quarta-feira, 30, a VIII Jornada Esportiva, que a entidade estará realizando nos dias 14, 15 e 16 de setembro. O objetivo da Jornada é incluir os deficientes visuais nos diversos setores da sociedade oportunizando aos participantes, o acesso às práticas de atividades físico-esportivas. No dia 14, a VIII Jornada Esportiva da AJECE, terá o congresso técnico às 8h30 em sua sede; às 14h, Futebol de 5 na quadra do CEEP Régis Pacheco; às 16h, Goalball, no Ginásio de Esportes Anibal Brito; às 19h, a solenidade de abertura oficial na sede do Grupamento de Bombeiros Militares. Na sexta-feira, 15, as competições serão reiniciadas às 7h30 com natação no Jequié Tênis Clube; às 9h30 Futebol de 5, no CEEP Régis Pacheco e no mesmo horário Goalbool no Ginásio de Esportes; às 18h Dominó no Colégio Matisse e às 19h Judô na AJECE; no sábado, 16, às 7h30 atletisto no Estádio Waldomiro Borges; às 8h Xadrêz no Colégio Matisse; às 9h30 final do Futebol de 5 no CEEP Régis Pacheco; às 9h30 semi-final do Goalball e às 14h, as finais da modalidade no Ginásio de Esportes Anibal Brito. O encerramento e premiação dos vencedores será às 19h na sede da Associação.

Oftalmologistas denunciam desvio de função por parte de técnicos em Optometria

Oftalmologistas afirmam que nem todo problema de visão se resolve com óculos, daí é que se faz necessária a consulta com um profissional especializado

Médicos oftalmologistas que atuam no município de Jequié, vem se juntando ao movimento desencadeado em nível nacional pela Sociedade de Oftalmologia da Bahia-SOFBA, que fez solicitação recente, através de sua assessoria jurídica ao Conselho Brasileiro de Oftalmologia-CBO, pedindo apuração de denúncia junto ao Ministério Público Estadual, acerca de irregularidades nas escolas de formação de optometristas na Bahia. O movimento já levou os oftalmologistas Ivonildo Calheira Pereira (Hospital de Olhos Calheira), José Raimundo Souza Alves (Clidol), Franz Leal (Oclinic) e Antonio Nogueira (Cenoe), a emitirem suas opiniões sobre o assunto em emissoras de rádio e blogs de Jequié.

Na denúncia protocolada pela SOFBA, é feita a afirmação de que, “o exercício ilegal da optometria vem sendo praticado no Brasil e que o CBO tem sido atuante na investigação e punição destes profissionais. Porém, um exército de optometristas são formados continuamente. Então, além de denunciarmos o exercício ilegal destes profissionais, precisamos evitar, dentro da lei, a formação destes profissionais. Eles deveriam fazer um curso de óptica e optometria, com objetivo de auxiliar o trabalho óptico nas óticas, porém o que vem acontecendo é uma formação ilegal de profissionais para atuação na área restrita aos médicos”, diz a entidade, acrescentando estar recebendo denúncias de que existem várias escolas funcionando de forma ilegal na Bahia.

“Estas escolas parecem ser patrocinadas pelo seguimento óptico, com objetivo de formar um exército de prescritores para fomentar o segmento. Porém muitas destas escolas não têm sequer alvará de funcionamento”. O conceito geral dos oftalmologistas é de que a Optometria trabalha fora do “órgão globo ocular”, focado no sentido da visão, corrigindo miopias, hipermetropias, astigmatismos, visão “de perto” e aplica exercícios ortópticos, que não são doenças, são defeitos da visão, enquanto que, a Oftalmologia, é uma especialidade da medicina que estuda e trata as doenças relacionadas ao olho, à refração e aos olhos e seus anexos. “O médico oftalmologista realiza cirurgias, prescreve tratamentos e correções para os distúrbios de visão.

Mesmo admitindo cansaço Simões assume liderança de Gameleira na Câmara

José Simões assumiu a tribuna da Câmara nesta terça, 29, pela vez na função de líder do Prefeito Sérgio Gameleira

Sem surpresas. O que era esperado por vereadores das bancadas da maioria e minoria consumou-se e, o vereador José Simões de Carvalho Júnior (PHS), assumiu a função de líder do prefeito Sérgio da Gameleira (PSB), na Câmara de Vereadores de Jequié. Na sessão desta terça-feira, 29, em seu primeiro pronunciamento na função no atual período legislativo, disse ter atendido ao convite formulado pelo prefeito juntamente com o deputado federal Paulo Magalhães (PSD).

Zé Simões exercendo o sétimo mandato consecutivo disse que defendia a indicação de um mais jovem na liderança

O vereador José Simões disse que a sua missão será a de buscar uma melhor interação do Executivo com o Legislativo, “inclusive ouvindo as reivindicações dos vereadores de oposição”. Explicou que não era seu desejo enfrentar mais uma vez esse desafio, que já exerceu em gestão passada, “estou cansado” e, essa é uma função desgastante e cansativa, “para ser exercida pelos vereadores mais jovens”. Porém, revelou que não poderia se furtar em atender ao chamamento de um governo, “que ajudamos a eleger”. Aos 64 anos de idade, dos quais, em 2020, deverá atingir os 28 anos de mandato legislativo, Simões mudou o tom ameno do discurso para rechaçar as críticas feitas à administração pelo vereador Joaquim Caires (PMDB), líder da bancada da minoria., à saúde pública e ao convênio da Prefeitura, apenas com o Hospital São Vicente.  Os embates futuros entre os dois experientes vereadores vem sendo aguardados para as próximas sessões.

Atividade prática do curso de Biomedicina leva saúde à comunidade de Jequié

A comunidade do bairro Brasil Novo em Jequié foi contemplada por uma importante ação social de saúde pública. Estudantes do curso de Biomedicina da FTC distribuíram coletores de fezes e urina para a realização de testes parasitológicos, além de realizar entrevistas com uma amostragem de 16 moradores para análise física. A ação faz parte de um projeto social de uma emissora de rádio local.

Para o estudante Edson dos Santos, que cursa o 6º semestre, experiências como esta favorecem o processo de profissionalização dos futuros Biomédicos. “Serve para colaborar com a saúde da comunidade e, principalmente, para a troca de conhecimentos”.

A iniciativa beneficia os estudantes pela oportunidade de aliar responsabilidade social com atividades laboratoriais, oportunidade de aplicar na prática os conhecimentos teóricos adquiridos no decorrer do curso.

Para a comunidade, sobretudo aquela com maior dificuldade de acesso ao sistema de saúde, ações que promovam qualidade de vida são sempre muito bem-vindas. “O projeto tem o objetivo de levar os conhecimentos adquiridos em sala de aula por meio de ação comunitária a quem mais precisa”, ressalta o professor Dr. Roberto de Barros Silva, coordenador do curso de Biomedicina.“Ao participar de ações como esta, o aluno da FTC, do curso de Biomedicina, adquire capacitação e experiência no desempenho das funções”, avalia a professora das disciplinas clínicas, Renata Santana.

Homem assassinado a tiros no Loteamento Sr. do Bomfim

Romário da Silva Oliveira, foi alvejado quatro vezes

Um jovem foi assassinado por volta das 18h40 de segunda-feira, 28, com pelo menos quatro tiros de revólver, na Rua B, do Loteamento Senhor do Bomfim, no bairro Jequiezinho, em Jequié. A vítima Romário da Silva Oliveira, 19 anos, “Balo”,  foi surpreendido por desconhecidos que fizeram os disparos contra ele. Policiais militares do 19º BPM, se deslocaram até o local da ocorrência solicitaram a presença do SAMU que constatou o óbito.  Nenhum suspeito foi preso.

SUS joga fora R$ 16 milhões em medicamentos de alto custo

Enquanto milhões de brasileiros peregrinam e sofrem verdadeiras humilhações diárias em unidades de saúde de todo o país, à procura de medicamentos prescritos por médicos, sem dinheiro para comprá-los nas redes de farmácias comerciais, um relatório inédito da Controladoria-Geral da União (CGU), mostra que 11 Estados e o Distrito Federal jogaram remédios fora em 2014 e 2015. As causas do desperdício, que chega a R$ 16 milhões, foram validade vencida e armazenagem incorreta. Os Estados em que houve descarte foram Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Santa Catarina. O Sistema Único de Saúde (SUS) gasta cerca de R$ 7,1 bilhões por ano para comprar esses remédios. Mas pelo menos uma parte desse valor tem ido direto para o lixo. Uma das situações mais graves identificadas pelos auditores da CGU aconteceu na Bahia: entre 2013 e 2014, cerca de 200 mil comprimidos de Olanzapina (usado no tratamento da esquizofrenia) tiveram de ser jogados fora. Por um erro de planejamento, os remédios foram comprados e acabaram vencendo antes que os pacientes do Estado pudessem tomá-lo. No total, foram R$ 3,5 milhões descartados em comprimidos vencidos. Um simples controle do estoque teria evitado o problema. Como a demanda por determinados remédios varia, as farmácias do CEAF têm o direito de devolver medicamentos armazenados por elas até 15 dias antes da data de vencimento dos lotes. Feito o pedido, o material é trocado sem qualquer custo para o contribuinte.

TSE e Denatran vão compartilhar dados biométricos

Na Bahia fizeram o cadastramento biométrico este ano 1.405.481, o que representa 46,85% da meta do TSE

Os motoristas habilitados poderão ser dispensados da coleta da biometria ao fazerem o recadastramento nos Tribunais Regionais Eleitorais (TRE). A informação é do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), após uma assinatura de termo de autorização entre o tribunal, o Ministério das Cidades e o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), que vai permitir o compartilhamento de dados biométricos. O objetivo é evitar que se tenha o retrabalho de fazer a biometria nos condutores, já que todos passam por esse processo nos Detran’s. “Em princípio, feita a integração entre as bases do TSE e do Denatran, os eleitores que ainda não realizaram o cadastramento biométrico, ao chegarem ao cartório eleitoral, poderão ser dispensados da coleta biométrica, realizando apenas a atualização de seus dados biográficos e, talvez, uma validação de uma de suas digitais”, explicou o TSE, por e-mail.  Por meio de nota, o TRE-BA informou que a ação marca o início de uma parceria. “O impacto disso, não só na Bahia como no Brasil todo, ainda vai demorar um pouco até que os ajustes todos sejam concretizados. Provavelmente o impacto será depois das eleições.”  O objetivo é fazer a biometria de 3 milhões de eleitores. De acordo com o TSE, ainda não há um prazo para que isso seja estabelecido. O Denatran tem cerca de 60 milhões de dados biográficos e biométricos de condutores habilitados em todo país.  Segundo o TSE, a tendência é que as bases sejam sincronizadas para aumentar a segurança da identificação do cidadão.

Prefeitura de Itiruçu revoga REDA após recomendação do MP-BA

A Prefeitura de Itiruçu revogou nesta segunda-feira, 28,  Processo Seletivo Simplificado para contratação de funcionários da administração municipal por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), de acordo com o Decreto acima. O fato ocorreu após o Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) emitir recomendação a favor do cancelamento, apontando possíveis irregularidades no processo seletivo. Em decreto publicado no Diário Oficial do Município, a gestão determinou a criação de empregos públicos temporários e a realização de um novo Processo Seletivo Simplificado para preenchimento das vagas por meio de Reda. Os documentos dos candidatos que se inscreveram para a seleção revogada poderão ser reaproveitados, caso os candidatos queiram, para participação de outras seleções destinadas aos mesmos fins, instauradas pela Prefeitura Municipal de Itiruçu.